terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Cartas Perdidas - Parte 10


Dói-me a tua ausência.
Doiem-me os teus sorrisos,
Que me roubaste.
Dói-me não te sentir.

É a dor que escrevo.
É o alívio que procuro nas palavras.
É a dor que encontro nas palavras.
Dor. É tudo o que consigo dizer.
Sentir. É hoje o que me faz doer.

Sem ti não existe existir.
Só viver. Dor... é tudo o que me resta sentir.

2 comentários:

Secreta disse...

Dor , porque o amor transforma-se em dor , quando a ausencia é a realidade.

R. Sant'Anna disse...

Perdi muitas das cartas perdidas :(
Esta está muito boa.

Abraço