quarta-feira, 21 de novembro de 2007

Noites em Vão

Esta noite sonhei
Que o teu sorriso era sincero
Sonhei que nada em ti
Era sonho, e sim verdadeiro.

Desejei um nunca acordar.
Dizer não à tua realidade
Ficar junto de nós. E sonhar.
Fugir da tua cruel verdade.

Sonhei em vão.
O mundo é feito de pessoas...
Não de sonhos.

1 comentário:

Elsa disse...

O que não invalida que não possamos sonhar...