quarta-feira, 18 de abril de 2007

Boa noite...

A ideia de criar um espaço só meu não é de agora. Há muito que tenho vontade e sinto necessidade de o fazer. O facto de não ser um mágico a usar "a pena" e a desenhar sensações numa folha de papel em branco, não invalida que seja um apaixonado pelas letras. Ou não tivesse eu passado boa parte da minha vida entregue a elas...

O Escrito à Noite pretende ser isso mesmo. Um espaço onde quero partilhar, com todos os que me visitarem, a minha paixão por tudo aquilo que pela ponta dos dedos passamos para o papel. Vou por isso estragar as vossas noites com textos meus, mas tentarei compensar com outros de pessoas realmente talentosas. É uma promessa.

A noite? É nela que me sinto mais confortável. É com ela que acendo a paixão pela "pena", o papel em branco... a tinta e os dedos borratados.

3 comentários:

Sílvio Mendes disse...

Ora, isso sim, são boas notícias.
Que anoitece, então.
Bem-vindo ;)

paulllus disse...

Finalmente e em escrito... fico à espera das tuas literárias deambulações nocturnas!!!

Venham elas!

Pat disse...

muito bem... :)